maio 3, 2016

Você está navegando os arquivos do site de maio 3, 2016.

2 minutos Perceber e aceitar a perda auditiva não é uma tarefa fácil. Seja jovem ou idoso, a constatação de que não se escuta corretamente é sempre ruim. Assim como outras doenças, a perda auditiva não escolhe idade, nem sexo e já atinge mais de 10 milhões de brasileiros, segundo o último censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Mas, o que geralmente as pessoas não percebem é que a perda auditiva prejudica, também, o aspecto psicológico e social. Há casos em Continue lendo