junho 2016

Você está navegando os arquivos do site de junho 2016.

menos de 1 minuto Uma pesquisa realizada em Portugal procurou saber qual o som que as pessoas mais sentiriam falta se, por acaso, perdessem a audição. Dentre as 220 pessoas entrevistadas, 38,1% responderam, sem hesitar, que “a voz dos filhos seria o som do qual sentiriam mais falta”. Em seguida, os inquiridos apontaram a falta de música (23,8%) e a voz do companheiro (23,3%). Uma gargalhada, o som do mar, o som da chuva e o cantar dos passarinhos são outros sons que fariam Continue lendo

menos de 1 minuto Hábitos saudáveis ajudam a evitar o desconforto causado pelo zumbido. Por isso, deve-se evitar doces, álcool, excesso de xantinas (café, refrigerantes, alimentos com cafeína), tabaco e jejum prolongado. Para a especialista, quem tem zumbido também deve se hidratar adequadamente e fazer exercícios físicos regulares. “Fortalecer e alongar os músculos são estratégias de relaxamento indispensáveis para quem apresenta o sintoma”.  Sugerimos que tratamentos alternativos que promovam a redução do estresse, como acupuntura, podem melhorar a qualidade de vida de quem apresenta Continue lendo

1 minuto O portal Deficiência Auditiva preparou vários vídeos que pretendem contribuir com a conscientização da sociedade sobre a necessidade de cuidar da saúde auditiva. A série “1 minuto”, por exemplo, traz pequenas pílulas com informações relevantes sobre o que pode causar a perda auditiva, quais as consequências da perda da audição, sobretudo entre crianças e idosos, como identificar a perda auditiva e o que é o zumbido. Saiba sobre saúde auditiva neste vídeo Você sabia que a exposição diária a níveis intensos de Continue lendo

3 minutos Segundo a Organização Mundial da Saúde, cerca de 800 milhões de pessoas no mundo possuem perda auditiva e, no Brasil, esta deficiência acomete 5,1% da população, de acordo com o Censo 2010. Embora o número seja representativo, muitas pessoas não discutem perda auditiva por medo ou desconhecimento. Televisão muito alta, repetição de perguntas, dificuldade para falar ao telefone, isolamento e depressão, estes são alguns sintomas indicativos de perda auditiva, especialmente em pessoas idosas. O problema é comum também entre jovens, podendo ser Continue lendo