1 minuto O portal Deficiência Auditiva preparou vários vídeos que pretendem contribuir com a conscientização da sociedade sobre a necessidade de cuidar da saúde auditiva. A série “1 minuto”, por exemplo, traz pequenas pílulas com informações relevantes sobre o que pode causar a perda auditiva, quais as consequências da perda da audição, sobretudo entre crianças e idosos, como identificar a perda auditiva e o que é o zumbido. Saiba sobre saúde auditiva neste vídeo Você sabia que a exposição diária a níveis intensos de Continue lendo

3 minutos Segundo a Organização Mundial da Saúde, cerca de 800 milhões de pessoas no mundo possuem perda auditiva e, no Brasil, esta deficiência acomete 5,1% da população, de acordo com o Censo 2010. Embora o número seja representativo, muitas pessoas não discutem perda auditiva por medo ou desconhecimento. Televisão muito alta, repetição de perguntas, dificuldade para falar ao telefone, isolamento e depressão, estes são alguns sintomas indicativos de perda auditiva, especialmente em pessoas idosas. O problema é comum também entre jovens, podendo ser Continue lendo

1 minuto Estudo publicado pela revista de endocrinologia e metabolismo, Journal of Clinical Endocrinology & Metabolism, mostrou que as pessoas que têm osteoporose têm o dobro de chance de desenvolver surdez súbita (SSHL, perda de audição repentina) do que as pessoas sem a doença. O estudo examinou registros médicos de 10.660 habitantes taiwaneses, os quais foram diagnosticados com osteoporose entre 1999 e 2008, e de 31.980 pessoas sem a enfermidade. Os participantes que foram diagnosticados com osteoporose têm um risco 1,76 mais elevado de Continue lendo

1 minuto Não. O que está a venda online não são aparelhos auditivos e sim PSAP(produtos de amplificação sonora pessoais),que amplificam sons ambientais para consumidores que não tenham perda auditiva, esses produtos não são regulamentados pela ANVISA no Brasil e não tem as mesmas características eletroacústicas de um aparelho auditivo . Aparelhos auditivos são produtos médicos,com comercialização regulamentada pelo governo e necessitam de uma programação e ajustes, ou seja, de acompanhamento fonoaudiológico especializado. E mais importante: você pode estar comprando algo que vai prejudicar Continue lendo

1 minuto O consumo de energia está se tornando cada vez mais um importante critério de seleção na compra de aparelhos auditivos. Isto porque é esperado que os aparelhos auditivos modernos sejam mais eficientes, mas também conservem energia, de modo que as baterias não tenham que ser constantemente substituídas . As novas baterias Siemens fornecem a energia necessária para os aparelhos auditivos de forma consistente e confiável. Esta é a única maneira de maximizar o desempenho dos aparelhos auditivos sem a necessidade de substituição Continue lendo

4 minutos Além de problemas auditivos,sintoma pode estar relacionado a tireóide, pressão, diabetes,entre outros. O zumbido não é uma doença, e mais de 90 % dos casos está relacionado a problemas de audição. (Dificilmente surge um paciente que tenha zumbido e não tenha problemas de audição). A ocorrência precisa ser investigada pois um zumbido afeta negativamente a qualidade de vida do paciente e,em casos mais graves,pode levar até ao suicídio. O zumbido é um sintoma que precisa ser investigado, pois, pode estar relacionado a Continue lendo

2 minutos Perceber e aceitar a perda auditiva não é uma tarefa fácil. Seja jovem ou idoso, a constatação de que não se escuta corretamente é sempre ruim. Assim como outras doenças, a perda auditiva não escolhe idade, nem sexo e já atinge mais de 10 milhões de brasileiros, segundo o último censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Mas, o que geralmente as pessoas não percebem é que a perda auditiva prejudica, também, o aspecto psicológico e social. Há casos em Continue lendo

1 minuto A falta de informação é um dos motivos para que pessoas que apresentam perda auditiva demorem a buscar tratamento adequado para o seu caso. Pior ainda é quando a experiência negativa de utilização de um aparelho auditivo a impede de procurar por outro, mais moderno. Os aparelhos auditivos atuais são capazes de trabalhar em conjunto quando o usuário está usando dois aparelhos. Chamados de aparelhos inteligentes, eles se adaptam automaticamente para cada situação de escuta e preferência do usuário, podendo se comunicar Continue lendo

2 minutos Todo mundo, pelo menos uma vez na vida, já sentiu algum tipo de zumbido no ouvido, seja ele ocasionado pela exposição continuada a um som muito alto, como em uma casa de shows ou, ainda, após observar uma queima de fogos de artifício. Zumbido é a sensação de um ruído indesejado, em um ou nos dois ouvidos, sem que haja um som externo. No entanto, o que é para ser um incômodo temporário, para 28 milhões de brasileiros e 24% da população Continue lendo

2 minutos A habilidade de entender a fala está relacionada com áreas complexas do cérebro. Ouvir um som é bem mais simples do que interpretá-lo e isso envolve vários processos cerebrais. Nosso cérebro tem capacidade de filtrar ou enfatizar todos os sons que ouvimos no dia a dia. Para muitas pessoas já é bem difícil entender mesmo no silêncio e a presença de ruído dificulta ainda mais. Além desse complexo processo de interpretação, a própria diferença acústica do ruído e da fala contribui para Continue lendo